sábado, 27 de julho de 2013

Exausto, esgotado, exaurido...


Edição Costa do Sol Jornal – Quarta-feira 24/7/2013 – Oeiras

sexta-feira, 26 de julho de 2013

Paulo Vistas é o principal suspeito do DIAP na investigação às PPP de Oeiras

Paulo Vistas é o principal suspeito do DIAP na investigação às PPP de Oeiras | iOnline - Notícias de Portugal, Mundo, Economia, Desporto, Boa Vida, Opinião e muito mais.




Investigação tem por base suspeitas de corrupção, participação económica em negócio e prevaricação

Paulo Vistas, presidente em exercício de funções da Câmara Municipal de Oeiras e candidato a edil nas autárquicas de Setembro, é o principal suspeito do Departamento de Investigação e Acção Penal (DIAP) de Lisboa num inquérito aberto para apurar supostas ilegalidades nas parcerias público-privadas (PPP) locais. Segundo informações a que o i teve acesso, a residência de Vistas foi já alvo de buscas da Polícia Judiciária (PJ) no início de 2012, altura em que foram também efectuadas diligências idênticas nas instalações da câmara municipal. Sob investigação está a suspeita da prática dos crimes de corrupção, participação económica em negócio, prevaricação e violação das normas orçamentais.

O número dois de Isaltino Morais até 24 de Abril - dia em o ex-ministro das Cidades e do Ordenamento foi detido para cumprir a pena de prisão de dois anos a que foi condenado - foi quem submeteu propostas para a aprovação destas PPP em reuniões camarárias ocorridas em 2007 e 2008. Os contratos propostos por Paulo Vistas correspondem a um modelo de parceria criado pela construtora Manuel Rodrigues Gouveia (MRG), SA, e aplicado em mais seis autarquias, segundo o site da sociedade. O capital social das duas empresas criadas no concelho de Isaltino (a Oeiras Primus e a Oeiras Expo) divide--se entre a autarquia (49%) e a MRG e outras construtoras (51%). O objectivo da parceria passava por construir duas escolas, dois lares, um centro de congressos e um centro de formação no concelho.

Na base da investigação que está a ser levada a cabo pela 9.a Secção do DIAP de Lisboa esteve uma auditoria do Tribunal de Contas (TC) que concluiu - além de várias irregularidades - que o modelo de PPP visaria "obstar a que o financiamento do investimento associado aos equipamentos a construir se reflectisse na capacidade de endividamento do município", contornando assim a lei que impõe um limite ao endividamento líquido das autarquias. Além disso, o relatório refere ainda a existência de uma infracção grave, uma vez que a autarquia não enviou nenhum dos seis contratos para fiscalização prévia do TC. Em 2011, quando o relatório foi tornado público, o executivo ainda liderado por Isaltino Morais garantiu que não era necessária a autorização do TC.

Durante a assembleia municipal de 28 de Julho de 2008, Paulo Vistas justificou-se dizendo que a criação das sociedades-veículo não tinha o objectivo de fugir ao TC, mas sim contornar os limites do endividamento municipal: "Aquilo que se pretendeu não foi fugir à fiscalização do Tribunal de Contas, mas sim uma engenharia financeira que pretende realizar investimento e que esse não consolide na dívida do município."

Segundo o i apurou, neste momento, os serviços do Ministério Público no TC estão a efectuar diligências complementares antes de interpor uma acção contra os responsáveis políticos que aprovaram os contratos das PPP. Desta acção poderá resultar a condenação de Isaltino Morais, Paulo Vistas e de mais nove vereadores e diversos deputados municipais ao pagamento de multas pecuniárias.

(...)


quinta-feira, 25 de julho de 2013

Algés – 2013 – 12 cont.(2)



Nova iluminação para o UDRA


Isto de colocar candeeiros novos obedece a tecnologias muito avançadas

                                                           


Mas depois, lá em cima, a luz irá certamente dar mais vida ao campo

                                                          


E depois há que assegurar o abastecimento da electricidade

                                                           






Dentro de dias devem estar prontas todas as ligações e a nova iluminação será uma realidade.

Os moradores da envolvente esperam que o UDRA continue a respeitar os horários de funcionamento que até agora têm sido devidamente cumpridos contribuindo para uma correcta vizinhança.


Isaltino partilha cela com homicida e três predadores sexuais

Isaltino partilha cela com homicida e três predadores sexuais | iOnline




Como é que conseguem dormir? Farão turnos?

Algés – 2013 – 12 cont.(1)



Nova iluminação para o UDRA

Com a ajuda deste equipamento a colocação dos postes de iluminação continuou nos dois lados do campo

                                              




… e ajudou também a içar técnicos para ajustarem o suporte das luzes no alto dos novos postes
                                              
                                                         



No chão ficaram os suportes da antiga iluminação que, entretanto, foram levados.

                                                           
.

sexta-feira, 19 de julho de 2013

Mesmo preso, Isaltino é cabeça de lista à assembleia municipal de Oeiras



Eleições

Mesmo preso, Isaltino é cabeça de lista à assembleia municipal de Oeiras
19 Julho 2013, 10:12 por Jornal de Negócios Online | negocios@negocios.pt




Ex-autarca de Oeiras vai liderar lista de Paulo Vistas à assembleia municipal. Isaltino está preso por fraude e branqueamento de capitais.
Isaltino Morais vai ser cabeça de lista à assembleia municipal de Oeiras, apesar de estar preso na prisão da Carregueira por fraude e branqueamento de capitais, segundo adianta hoje o "Diário de Notícias".

Os ex-autarca foi convidado por Paulo Vistas, que o substituiu na Câmara depois de ser preso. Este antigo militante do PSD apresenta-se agora como independente na corrida a Oeiras nas próximas eleições autárquicas.

Isaltino foi condenado a dois anos de prisão mas pode acabar em liberdade condicional ao final de um ano.

quarta-feira, 17 de julho de 2013

Algés – 2013 – 12



Nova iluminação para o UDRA

Os postos de iluminação vão ser substituídos por uns mais modernos

     


E assim começaram a ser descarregadas as peças dos novos postos.

                        


 

domingo, 14 de julho de 2013

Algés – 2013 – 11



ALIVE / Parque da Ribeira

Desde 2009 que falamos deste barulhento “evento” 
 


  9.7.2009 -         2009 - Algés - 21
11.7.2010 -         2010 - Algés - 26
13.7.2011 -         27 - Algés - 2011
10.7.2012 -         Divagações ao sol de Julho aqui


… e  que além da comparticipação suportada pela CMO (que podia ajudar alguns instituições locais) causa alguma problemas de mobilidade pois Algés é invadido por muitos carros.
A Parques Tejo tem retirado as barreiras no Parqueamento da Ribeira (Largo Com. Augusto Madureira) como se pode confirmar pelas fotos.

                                                                                             



Pois se não o fizer elas são quebradas como já aconteceu anteriormente. É tudo a facilitar este “evento” mas encontrar soluções para que este parqueamento seja mais utilizado e não esteja às moscas durante o resto do ano é que não tem acontecido.


Hoje António Aleixo



Acho uma moral ruim
trazer o vulgo enganado:
mandarem fazer assim
e eles fazerem assado.

Esta mascarada enorme
com que o mundo nos aldraba,
dura enquanto o povo dorme,
quando ele acordar, acaba.

sexta-feira, 12 de julho de 2013

UMA PEQUENA NOTA


Foram agora publicados alguns comentários com data de há alguns dias e que estavam alojados na caixa de Spam, facto a que somos alheios.

OS "CANTEIROS" DE LINDA-A-VELHA

Estas fotos datam de 25 de Maio passado e ilustram algumas das muitas caldeiras das árvores da vila de Linda-a-Velha. Neste caso concreto mostramos uma no cruzamento da avenida Duque de Loulé com a avenida Dom Pedro V e duas vistas parciais da avenida Duque de Loulé, mas muitas mais há em toda a avenida. Desde então a coisa piorou; o mato cresceu e secou, o lixo - trazido pelo vento -  foi-se acumulando e ficou preso no mato, o chão em volta está pejado de uma matéria viscosa e peganhenta resultante da moléstia das Tílias há muito reportada à CMO e nunca tratada.

Muito mais há a denunciar sobre o estado de abandono a que chegou esta vila e não deixaremos de o fazer.




ASSIM VAI LINDA-A-VELHA


Caro Carlos Moreira, presidente da JFLV, digníssimo político de proximidade, e que tal dar uma palavrinha à C M Oeiras? É só uma ideia... é para melhorar o aspecto da Vila de todos nós.

Foto: Papeleira - Rua Bernardo Santareno em Linda-a-Velha - está assim cheia faz 8 dias

Mesmo ao lado há outra papeleira em igualdade de circunstâncias. Em dias recentes, de muito calor, o cheiro era nauseabundo.


 

Fazer 90 anos na Freguesia de Linda-a-Velha




Já em 6 de Julho de 2010 falámos de Jaime Casimiro (aqui).

                                                        
E voltamos hoje dia 12 de Julho para lembrar o seu livro lançado na Fundação Marquês de Pombal, em 19 de Junho daquele ano.

                                                          





E felicitá-lo pelos seus 90 anos. Mercê do seu trabalho de pesquisa e colaboração na imprensa local o conhecimento deste Município de Oeiras ficou mais facilmente ao nosso alcance.
 

NÃO VAMOS DESISTIR


Artigo publicado no Jornal das Costa do sol - Oeiras a 10 de Julho de 2013

quarta-feira, 10 de julho de 2013

Algés – 2013 – 10


Algés – 2013 – 10

Ponto de situação do Centro Saúde de Algés

                                  


E pronto. Vai começar a campanha pode ser que antes de Setembro o Tribunal diga alguma coisa e se possa voltar a fazer uma inauguração.
 
 

segunda-feira, 1 de julho de 2013

E agora, sr. Passos?



Artigo publicado nas Cartas à Directora do Público desta data