segunda-feira, 23 de abril de 2012




O Abril do 25/4
O manifesto "Abril não desarma" de Vasco Lourenço, o maçon da Loja 25 de Abril, pertencente ao GOL, capitão, depois general e agora coronel na reserva e eterno presidente A25A demarcou-se das comemorações oficiais do 38º aniversário do 25/4, por considerar que "as medidas e sacrifícios impostos" aos portugueses "ultrapassaram os limite do razoável".
Parece estar a terminar o ciclo do "sacrifício" de 38 anos a aturar o sr. capitão Lourenço.
http://www.dn.pt/politica/interior.aspx?content_id=2436480

9 comentários:

Leite Pereira disse...

Este risca pouco Pá. É um básico

Isabel Magalhães disse...

:)))

Bernardo Campos Pereira disse...

Muito bom!

Leite Pereira disse...

Esta citação li-a num Blogg
Maria Armanda Falcão( Vera Lagoa) definiu este mentecapto na perfeição, apelidando-o de "Quisto Sebáceo".
Também recordo de um artigo de "Manuel de Portugal" não recordo o nome do jornal cujo título era: D. Lourenço o Melena e Pá

Clotilde Moreira disse...

Se esta atitude tiver outras intervenções no sentido de travar os disparates do governo... Vamos ter esperança
Clotilde

Isabel Magalhães disse...

Não me lembro de ter visto a A25A travar os disparates do desgoverno do sócrates & comandita. É uma "democracia" que começa e acaba no quintalzinho deles.

Leite Pereira disse...

Acho piada à dualidade de critérios e de análise:
1 - GOVERNO SÓCRATES - foi fartar vilanagem até que acabou por ser obrigado a fazer o acordo com a Troica. Ninguém da esquerda teceu críticas. O que era preciso era efectuar muitas obras públicas, para criar emprego, estilo TGV mas que não geravam emprego.
2 - GOVERNO PAÇOS COELHO - cumpre o definido pela Troica, procura diminuir as despesas do Estado, obviamente à custa dos contribuintes .Sou um deles como reformado da FP. Toda a esquerda se excita. Muito francamente estou-me nas tintas para as posições do Manuel Alegre, do Soares, do Lourenço e quejandos.

Isabel Magalhães disse...

Leite Pereira;

[23 de Abril de 2012 22:32]

Não seria o Tempo?

Isabel Magalhães disse...

Leite Pereira;

[23 de Abril de 2012 22:32];

Subscrevo.

Iden, iden.