domingo, 29 de maio de 2011

Um herói português


A voz da razão

Um herói português

O programa da troika é uma ajuda para que o PSD aplique o seu próprio programa.

  • 0h30

Por: João Pereira Coutinho, Colunista


Acusou José Sócrates. Ninguém se riu. Que pena. Com uma candura tocante, o líder do PS admitiu o que já se suspeitava: que, com ele, o programa da troika não é para cumprir.

O que, aliás, se compreende: se fosse para cumprir, o PS teria apresentado um programa eleitoral compatível com a Europa e o FMI – e, de preferência, depois de conhecidas as medidas impostas. Sem falar do recente caso dos ‘dois documentos’ (ou, melhor dizendo, três) que não batem uns com os outros: a 3 de Maio, PS, PSD e CDS assinaram uma versão da coisa; a 17 de Maio, o PS assinou outra – sem dar contas ao vigário.

Meros pormenores? Essa não é a questão. A questão é um dever de lealdade e transparência que Sócrates não tem para com o país, que ele trata como coutada sua. Claro que, nesta voragem autoritária, alguns ainda lembram que, sem cumprir o acordado, não há pataco para ninguém. Nada que perturbe um recordista como Sócrates: o homem que nos levou à bancarrota uma vez promete levar--nos uma segunda. É de herói.

3 comentários:

Anónimo disse...

O PSD, Paasos Coellho e a maçonaria.Está explicada a composição da lista a deputados de Oeiras do PSD.Após 6 anos de hegemonia do mestre maçom Sócrates, o GOL conseguiu invadir o PSD, instalar a desordem e tomar o poder.Agora preparam-se para ir ao pote.Leia e informe-se sobre alguns protagonistas da Laranja mecânica e do principal obreiro de peso:Miguel Relvas

Anónimo disse...

Esqueci-me de deixar o link

http://mghorta-osa.blogspot.com/2011/05/psd-e-maconaria.html

O. Lopes disse...

O importante era mesmo o link para fazer PUB ao blogue não era?