segunda-feira, 5 de julho de 2010

Picareta falante



Picareta falante - António Ribeiro Ferreira - Correio da Manhã

Diário da Manhã

O Mundial está a acabar e Portugal já cá está, sem honra nem glória, a discutir o futuro do seleccionador nacional.

0h30
Por:António Ribeiro Ferreira, Jornalista


O senhor professor Carlos Queiroz é hoje o que sempre foi. Um enorme eucalipto que seca jogadores e equipas. Nada lhe escapa. Foi assim na primeira vez que passou pela selecção nacional, foi assim no Sporting, foi assim no Real Madrid. É, no fundo, a velha história do sapateiro que tem a mania de tocar rabecão. Qual picareta falante, de smoking ou fato-macaco, saiu da África do Sul com dois empates, uma derrota e duas dúzias de norte-coreanos deportados para as minas de carvão. É este o tal novo homem português descoberto por Cavaco Silva no início dos anos noventa. Que devia ir agora, de cheque na mão e Madaíl às costas, dar uma demorada volta ao Mundo a pregar futebol aos peixinhos.

5 comentários:

Clotilde Moreira disse...

Esta da crise e dos milhões que entretanto correm de um lado para outro no futebol... afinal há dinheiro ou é também emprestado pelo FMI? Que grande confusão! E depois isto é pura escravatura: o "dono" de um jogador empresta, dá, vende, oferece como se fosse meio-quilo de carne de bife. Ah! parece que existem uns passes?

Se há dinheiro porque não desenvolver indústria ou agricultura?

Este minha confusão mental só mostra que não percebo nada disto.

Clotilde

Isabel Magalhães disse...

:D

Pedro Coimbra disse...

Mas atenção que aquele senhor, que até foi ministro e tudo!!, que sabe falar francês e dizer "jamais", diz que o Queiroz é um "treinador de projecto" (???), não um "treinador de resultados".
Se bem percebo, um "looser" (sim, que eu também sei dizer, e escrever, umas coisas em estrangeiro!!) para o presente e para o futuro.

Pedro Coimbra disse...

Vamos tentar

Mas atenção que aquele senhor, que até foi ministro e tudo!!, que sabe
falar francês e dizer "jamais", diz que o Queiroz é um "treinador de
projecto" (???), não um "treinador de resultados".
Se bem percebo, um "looser" (sim, que eu também sei dizer, e escrever,
umas coisas em estrangeiro!!) para o presente e para o futuro.

Isabel Magalhães disse...

Pedro Coimbra;

Finalmente o Blogger 'dignou-se' publicar os seus comentários depois de sucessivas tentativas. ;)