sexta-feira, 1 de outubro de 2010

Trânsito condicionado na Cruz Quebrada

Trânsito condicionado desde a ponte da Cruz Quebrada até às piscinas do Estádio Nacional. Estão a ser reformuladas as vias e será construída a nova rotunda.

9 comentários:

Anónimo disse...

Finalmente avançam com essa obra. Estava a ver que nunca mais.

AFS disse...

Não me digam que a gincana vai acabar e eu não me posso despedir...

Amigos do Estádio Nacional disse...

Atenção que vão cortar o trânsito entre a ponte sobre o Jamor e as piscinas e as obras vão durar 1 ano! Que será que irão construir ao certo que impede a circulação em vias alternadas durante as obras? Vindo de quem vem, é para desconfiar. Para pôr um separador central e construir um rotunda não é certamente preciso um ano.

Clotilde Moreira disse...

Também penso que o corte total não será necessário. Ou irão deitar a ponte abaixo?

Isabel Magalhães disse...

Cortar mesmo ou condicionar?

Como é que se acede à Marginal? Às Piscinas? Ao Parque Urbano?

Tenho que perguntar ao sr presidente da JFCQD.

Amigos do Estádio Nacional disse...

Pois é, também não nos passou pela cabeça que cortassem o trânsito para fazer uma coisa que à partida parece simples. Mas foi isso mesmo que disse o Presidente da Junta: trânsito cortado entre a ponte e as piscinas e obras com a duração de 1 ano.
Se for assim, para irmos às piscinas ou ao parque urbano, teremos de ir a Queijas por Linda-a-Velha e passar sob a A5 ou então pela Marginal, A5 e nó do Estádio. Para sair, a mesma coisa.
Para ir para a Marginal, suponho que teremos de ir a Algés ou então Linda-a-Velha, A5, Marginal.
Não vai ser fácil!
Vamos tentar saber ao certo o que vão ali fazer.

Isabel Magalhães disse...

A informação que eu recebi deu o título ao post: "Trânsito condicionado..."

Vamos aguardar...

Amigos do Estádio Nacional disse...

Cara Isabel,

Todos ouvimos claramente "trânsito cortado" e "trânsito feito exclusivamente pela marginal", bem como referências à dificuldade da situação.
Hoje estivemos a olhar atentamente para o cartaz que está junto às piscinas. À partida, tudo parece ficar igual ao que está, com um pequeno detalhe: as actuais 3 vias passam a 4... Isso significa um alargamento da estrada para 2 vias em cada sentido.
Porque é que esse alargamento é necessário? Boa pergunta, sabendo-se que a Avenida Pierre de Coubertin a seguir às piscinas, bem como a ponte sobre o Jamor só permitem 1 via em cada sentido.
Como vê, já estão a trabalhar para o futuro. Futuro que inclui as acessibilidades ao Porto Cruz e ao Alto da Boa Viagem, bem como o alargamento e desnivelamento da Avenida Pierre de Coubertin a seguir às piscinas, transformando-a em via rápida. É o progresso, dirão alguns; é o retrocesso, dizemos nós e muitos outros!

Isabel Magalhães disse...

Caros Amigos do Estádio;

Obrigada.