segunda-feira, 17 de março de 2008

Orquestra de Câmara de Cascais e Oeiras


ficha de colectividade

Designação: Orquestra de Câmara Cascais e Oeiras
Data de Fundação: 25 de Novembro de 1999
Morada: Rua Francisco Simplício, nº 3
2765-413 Monte Estoril
Tel.: 214673102
E-mail: o.c.c.o@mail.telepac.pt
Site: http://www.orchestra-cascais-oeiras.com/

A Orquestra de Câmara de Cascais e Oeiras (OCCO), formação apoiada pelos dois municípios e pelo Ministério da Cultura desde 1999, foi criada por iniciativa do maestro Nikolay Lalov, ainda hoje o seu director artístico. No seu vasto e abrangente repertório, tem incluído obras de compositores de diversas épocas e estilos, sempre com a preocupação de promover o trabalho de compositores portugueses, sobretudo da nova geração, e dando igualmente destaque a autores menos conhecidos do público. Actualmente, a OCCO realiza cerca de noventa concertos por ano, em todo o país e também no estrangeiro.
Em 2002, a Orquestra fundou a escola de música Concertino, cujo objectivo primordial é o desenvolvimento de uma actividade pedagógica nas áreas da formação musical geral e de jovens instrumentistas. Em breve, após a instalação da associação na nova sede – antiga Pensão Boaventura, no Monte Estoril (consulte também a página 8)–, a escola passará a reunir as condições necessárias para obter o paralelismo pedagógico ao ensino oficial, passando a designar-se Conservatório de Música de Cascais.
Procurando promover a realização de actividades artísticas ligadas à música e o desenvolvimento de acções de formação de novos instrumentistas e intercâmbio com organizações afins, esta estrutura associativa encontra-se profundamente enraizada na vida cultural do concelho, desenvolvendo outros projectos de música erudita, como a Ópera Lusitana, e colaborando com outras estruturas associativas, a exemplo do espectáculo de homenagem a Zeca Afonso, realizado em Novembro de 2007, em que se juntou a vários grupos corais do concelho.
A instalação da OCCO na nova sede permitirá desenvolver outros projectos artísticos, promovendo parcerias, nomeadamente com o Museu da Música Portuguesa – instalado a escassos metros na Casa Verdades de Faria – afirmando o Monte Estoril como um importante pólo de difusão musical no concelho de Cascais.

in Agenda Cultural de Cascais

1 comentário:

Clotilde disse...

O Concerto de ontem em Linda-a-Velha (Fundação Marquês de Pombal) foi muito bonito. Um fim de tarde que encheu o coração.
Clotilde